Em meio a protestos, projetos despencam na Câmara em junho

Câmara Federal
Balanço de Projetos – Junho de 2013

O mês de junho não foi comum. O Brasil nunca havia visto uma manifestação tão grande pedindo por mudanças pela melhora do país. Isso afetou o trabalho da Câmara Federal em junho.

Os deputados, talvez por estarem observando os protestos contra o trabalho deles, diminuíram a quantidade de projetos apresentados no mês passado.

Foram os índices mais baixos desde fevereiro, quando o “Leis em Projeto” começou o balanço mensal sobre a atuação do legislativo federal.

Fonte: Câmara Federal / "Leis em Projeto"

Fonte: Câmara Federal / “Leis em Projeto”

Foram 151 projetos elaborados em 20 datas úteis, uma média de 7,55 por dia. Até então, fevereiro detinha a pior marca, 8,81 em 17 dias. O segundo mês do ano, aliás, teve 150 propostas apresentadas.

No total, a Câmara recebeu 169 proposições, mas 18 delas não foram feitas pelos parlamentares. Sete eram do Senado, quatro, do Executivo. Outras quatro pertencem a comissões e três, ao Supremo.

Fonte: Câmara Federal / "Leis em Projeto"

Fonte: Câmara Federal / “Leis em Projeto”

E, mais uma vez, a proporção sobre o tipo de projeto foi mantida em junho. As propostas originais foram 66,9% do total, enquanto as novas representavam 28,5%. As homenagens totalizaram 4,6%.

Amanhã, acompanhe mais dados do balanço de junho sobre o trabalho da Câmara Federal.

Nathan Lopes, redação e pesquisa